logotipo /imagens/bandeiras/gb.gif   /imagens/bandeiras/it.gif   /imagens/bandeiras/es.gif   /imagens/bandeiras/fr.gif
   
Slideshow Image 1 Slideshow Image 2 Slideshow Image 3 Slideshow Image 4 Slideshow Image 5 Slideshow Image 6 Slideshow Image 7 Slideshow Image 8
Apresentação
Palavra de Deus e revelações privadas
Aparições e revelações
Os Santos e a interpretação da Escritura
Serviços
Horários Litúrgicos
Pastoral da Mensagem da Beata Alexandrina
Serviços aos Peregrinos
Destaques
/imagens/noticias/2015/rsz_1img_0023.jpg
BALASAR CELEBROU A FESTA LITÚRGICA DA BEATA ALEXANDRINA
2015-10-14

Alexandrina, Apóstola da Misericórdia de Deus, foi o lema que orientou toda a celebração da festa litúrgica em honra da Beata Alexandrina, comemorando o 60º aniversário da sua morte.

As celebrações iniciaram-se no dia 12, à noite, com a procissão de velas e uma pequena reflexão sobre “Deus Misericórdia”, sendo o orador Pe. Dário Pedroso, S.J. e terminando com uma pequena adoração.

 No dia 13, as mesmas tiveram início com o acolhimento ao peregrino, Oração de Laudes, e uma reflexão sobre a missão de Alexandrina.

A Eucaristia dos doentes teve uma grande afluência de pessoas, contando com a presença dos Párocos do Arciprestado, e doutros sacerdotes. A cerimónia foi presidida pelo Pe. Dário Pedroso, S.J., culminando com a habitual bênção dos doentes, e a exposição do Santíssimo Sacramento. Na sua homília, referiu que: "Tal como Jesus é o rosto visível da Misericórdia do Pai, também na Beata ALexandrina é possível descortinar a grandeza da Misericórdia que Deus nos oferece.". Finalizando salientou que "O Ano da Misericórdia será, por isso, um ano de grande revelação da paixão louca de Deus por nós e que a Beata Alexandrina continuará a ajudar nesta experiência."

A celebração da tarde iniciou-se com uma Adoração Eucarística, e uma reflexão sobre a Misericórdia de Deus, feita pelo P. Dário Pedroso.

Seguiu-se a Eucaristia festiva, presidida pelo pároco Pe. Manuel Neiva., que ressaltou a missão da Beata Alexandrina, como “grande Apóstola da Misericórdia de Deus”, pois foi na sua cama, paralítica, que Jesus, nas suas palavras, lhe confiou a grande missão “Abraçar o mundo, abraçar os pecadores, conduzir a Mim o rebanho das ovelhas tresmalhadas. Coragem, coragem.” Num breve resumo, apresentou os pontos fundamentais da missão que Jesus pediu e confiou a Alexandrina.

Salientou, também, o facto da Beata Alexandrina, ter convertido muitas pessoas através das suas palavras, de salvar pecadores e da missão que continuaria no Céu.

Finalizou com o alerta da Misericórdia de Deus, do amor de Jesus por nós, com duas orações em que a Beata Alexandrina pede: “Vive a Misericórdia de Deus”, e convidando todos a serem Apóstolos da Misericórdia de Deus.

No final da Eucaristia, O Pe. Manuel Neiva, apresentou o programa do Santuário para a vivência do Jubileu Extraordinário da Misericórdia, pois a Igreja de Balasar foi escolhida para Igreja Jubilar.

Agradeceu a presença de todos os peregrinos, que viveram este dia com intensidade e alegria, de todos os que assistiram às cerimónias, que foram transmitidas, em direto via internet e acompanhadas por linguagem gestual.

 

A Igreja alegra-se no dom da vida e mensagem da Beata Alexandrina, como Apóstola de Misericórdia de Deus, neste ano em que se celebra o Jubileu Extraordinário da Misericórdia, tendo como lema “Misericordiosos como o Pai”

Direto com Alexandrina

Destaques
/imagens/destaques/rsz_anopastoral2016_17.jpg
Agenda
2016-2017
Ano Mariano - Fé Contemplada
7 de janeiro 2018
Epifania do Senhor
30 de março
110.º aniversário do nascimento de Alexandrina
31 de outubro
Consagração do Mundo ao Imaculado Coração de Maria
Novo horário das Eucaristias
Celebrações Eucaristicas
Localização

Ver mapa maior
ContactosMoradaHorários

Tel. Igreja: (00351) 252 951 601

Tel. Fundação: (00351) 252 951 264 

Tlm Fundação: (000351) 963 649 183

E-mail: fundacao@alexandrinadebalasar.com

Rua Alexandrina Maria da Costa, 21

4570-017 Balasar PVZ

GPS     41º 24' 17'' N    8º 37' 31'' W

Receção da Igreja:

segunda feira a sábado

09h00-12h30 e 14h00-18h00

domingo

09h00 às 12h45 e 14h30 às 18h00 

                                      

Casa da Alexandrina:

Inverno

09h00-12h00 e 14h00-18h00

Verão

Semana - 09h00 às 12h00 e 14h00 às 19h00

Domingo e Dia Santo - 08h00 às 19h00